Início História O dia em que Michael Jackson trouxe dois gigantes aviões Antonov ao...

O dia em que Michael Jackson trouxe dois gigantes aviões Antonov ao Brasil

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

O Rei do Pop, Michael Jackson, marcou a história do Brasil com suas visitas, e em uma dessas, o gigante da música trouxe consigo dois gigantes da aviação.

Fotos AEROIN e Constru-centro

Os gigantes Antonov An-124 Ruslan vieram em dobradinha na segunda visita do Rei do Pop ao Brasil, uma vez que a primeira fora em 1974, quando ele era ainda pequeno e tocava com seus irmãos na banda Jackson Five.

Já a segunda vinda foi durante a grande turnê mundial Dangerous Tour, mais especificamente em outubro de 1993, quando o Rei do Pop veio fazer duas apresentações no Estádio do Morumbi, na capital paulista.

Reportagens da época diziam que 400 toneladas de equipamento teriam que ser deslocadas para o espetáculo e, para que tudo fosse viabilizado, foram contratados dois gigantes aviões Antonov An-124 Ruslan, operados pela companhia aérea russa Volga Dnepr.

Antes do Brasil, os aviões estiveram em Buenos Aires, cidade que também testemunhou um grande espetáculo de Michael.

Foi legal ver a televisão dando destaque às aeronaves, embora tenham dito que o jato era o maior avião de carga do mundo – o que não é verdade, dada a existência de seu “irmão maior”, o An-225 Mriya, que já era bem conhecido na época.

Voltando ao show do Rei do Pop, os gigantes An-124, que podem levar até 150 toneladas de carga, pousaram em Viracopos juntos, em uma rara imagem que você confere acima (e até então a primeira vez em que dois jatos Antonov estiveram simultaneamente no aeroporto internacional que serve à Grande SP).

Existe uma divergência entre o peso falado na reportagem (400 toneladas) e o que os dois An-124 podem levar (300 ton). Mas a TV aponta que foram necessárias 28 carretas, que seriam compatíveis para levar as 400 toneladas. Não ficou claro se mais alguma aeronave também foi empregada para trazer os equipamentos.

E no caso do dono da festa, o próprio Michael Jackson chegou no dia seguinte em Guarulhos, a bordo de um Boeing 727-100 de matrícula VR-CCB e operado pela Bell Resources.

Michael desembarca do Boeing 727

Os dias que se sucederam marcaram a vida de muitos fãs do cantor, um dos maiores artistas que o mundo já viu, com exibições de tirar o fôlego.

Infelizmente essa foi a única oportunidade que o Brasil teve de ver shows grandiosos do Rei do Pop, que retornaria apenas em 1996 para a gravação do famoso clipe They Don’t Care About Us, cujas imagens foram capturadas em Salvador e no Rio de Janeiro.

Relembre desse famoso vídeo-clipe:

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagens pela Avianca Brasil e Azul Linhas Aéreas. #GoBroncos #GoBeach #2A