O que rolou no Spotter Night Infraero, em Congonhas

Foto Infraero

Mais de 30 fotógrafos, profissionais e amadores, de São Paulo tiveram a oportunidade de registrar a operação do aeroporto de Congonhas em áreas normalmente restritas ao público, obtendo também imagens em ângulos únicos.

Das 15h até o anoitecer, os fotógrafos ficaram em três locais diferentes do aeroporto. O primeiro foi a área próxima ao Corpo de Bombeiros do aeroporto, no lado oposto ao terminal de passageiros; depois, os fotógrafos foram levados para uma posição muito próxima da cabeceira 35; e, por fim, o grupo terminou seu tour sobre o pavilhão de autoridades, muito próximo da cabeceira 17.

Confira algumas imagens fornecidas pela Infraero

Carlos Ferreira

É profissional de marketing e pesquisador de temas relacionados à aviação há quase duas décadas. Leva a câmera fotográfica para onde vai e faz mais fotos de aviões do que dos passeios. Responsável pela linha editorial da revista eletrônica AEROIN.net.