Para acalmar os inimigos, Latam expande o acordo de codeshare com a Qatar

A Qatar Airways anunciou que está expandindo seu acordo acordo de compartilhamento de código com a LATAM. A notícia chega poucas semanas depois que a Delta Air Lines adquiriu uma participação de 20% da companhia aérea latina. Qatar e Delta são rivais há anos.

Em seu comunicado de imprensa mais recente, a Qatar afirmou que o acordo de compartilhamento de código entra em vigor “com efeito imediato “. Escreve a Qatar Airways: “O código compartilhado bilateral fornecerá aos passageiros da Qatar Airways conexões para destinos em todo o Brasil e América do Sul, incluindo Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba, Lima e Bogotá, entre outros.”

Por sua vez, a LATAM colocará seu código “JJ/LA” nos voos da Qatar entre Doha e São Paulo e acrescentará outros 25 destinos na África, Ásia e Oriente Médio ao seu mapa de rotas.

O acordo com a Qatar será financeiramente crítico para a companhia aérea sul-americana. Após anunciar sua saída da Oneworld, a Latam automaticamente passa a se apoiar em seus acordos individuais com outras empresas, especialmente com a Qatar e a Delta.

Delta Airlines versus Oriente Médio

A compra de 20% da LATAM pela Delta foi considerada estratégica por analistas do setor que acreditam que a missão da Delta seja impedir que as transportadoras do Oriente Médio atrapalhem as linhas aéreas norte-americanas. Nos últimos meses, as três maiores empresas dos Estados Unidos condenaram o que consideram um abuso do Oriente Médio do acordo de céus abertos de 2002. A Delta chegou a pressionar o governo dos EUA em julho deste ano para aplicar sanções contra o Qatar, Emirates e Etihad.

Como se isso não bastasse, Ed Bastian, da Delta, parece ter algum tipo de vingança pessoal contra o chefe do Qatar, Akbar Al Baker. Um vídeo promocional destinado a “nivelar o campo de jogo para as companhias aéreas dos EUA ” parecia não fazer nada além de deixar clara a visão limitada de Bastian sobre a cultura árabe.

Avião Delta Air Lines Boeing 767-400
Boeing 767-400 da Dellta – Imagem: Delta Air Lines

Qatar Airways revida

A compra da Delta pode muito bem ser vista como um golpe pela Qatar Airways. Especialmente por possuir apenas 10% da LATAM. Mas a expansão do contrato de compartilhamento de código será considerada por alguns observadores como um revide adequado.

Com o novo acordo, vêm conexões bilaterais para a Qatar Airways. O acordo permitirá penetrar nos mercados industriais do Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba, Lima e Bogotá. Em seu comunicado à imprensa, o Catar citou seu chefe dizendo sobre o acordo: “Ficamos encantados em receber o conselho e a gerência sênior da LATAM em Doha. E ter tido discussões tão produtivas sobre como podemos continuar trabalhando juntos para beneficiar nossos milhões de passageiros e clientes de carga.

Desde 2017, a Qatar Airways testemunha os benefícios significativos que a cooperação em codeshare trouxe. Fornecer aos passageiros um serviço incomparável e uma conexão perfeita entre a América do Sul e o Oriente Médio e Ásia . ”

Recentemente, tivemos uma matéria onde exeplificamos e ilustramos muito dessa rivalidade entre Delta e Qatar, vale a pena conferir no artigo abaixo.

Carlos Ferreira

É profissional de marketing e pesquisador de temas relacionados à aviação há quase duas décadas. Leva a câmera fotográfica para onde vai e faz mais fotos de aviões do que dos passeios. Responsável pela linha editorial da revista eletrônica AEROIN.net.