Passageira abre saída de emergência de avião por estar com calor

Passageira abre porta emergência Xiamen China

Um evento incomum ocorreu na última segunda-feira, 23 de setembro, a bordo de um Boeing 737-800 da Xiamen Airlines.

A aeronave de matrícula B-5488 realizava o voo MF8215, que decolou de Jinjiang, fez uma escala em Wuhan e prosseguiria para o destino final Lanzhou.

Mas, durante o processo de embarque, uma passageira, sentada ao lado de uma das saídas de emergência, decidiu abrir a porta para ventilar o avião porque “o ar estava muito carregado”.

FlightRadar24 voo MF8215 Xiamen
Imagem do FlightRadar24 mostra o voo MF8215

Segundo a mídia chinesa, a passageira já havia pedido para abrir a porta e a tripulação já havia avisado sobre as consequências da atitude. Como a viajante prosseguiu com a ação, a tripulação acionou a segurança do aeroporto, que foi até a aeronave imediatamente para prender a passageira. Ela enfrentará sérias acusações legais.

Na China, esse tipo de ato pode significar que a passageira ficará proibida de voar novamente, porque atos ilícitos podem ser denunciados publicamente, especialmente quando há acusação criminal.

Após a ocorrência, a companhia aérea precisou inspecionar o Boeing 737 antes de liberá-lo no voo seguinte, para garantir que não havia sofrido nenhum dano, além de fazer a reinstalação da porta, causando um atraso de 1 hora na decolagem.

Também nesse mês de setembro, um passageiro causou problemas a bordo de um Airbus A321, ao acender um baseado durante o voo:

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.