Passageira é dominada por comissário em voo da Azul, após não usar máscara e revoltar-se

Um caso de indisciplina a bordo num voo da Azul hoje (15), resultou numa atitude extrema da tripulação: A contenção de uma passageira que não usava máscara. O vídeo, disponível abaixo (aguarde carregar), mostra como tudo ocorreu.

Este tipo de ocorrência tem sido muito comum nos EUA, onde passageiros são presos, multados e até proibidos de voar nas companhias aéreas. No Brasil, não se pode ter recusa de serviço, o que impossibilita a proibição de passageiros problemáticos, mas a prisão pode ser efetuada pela Polícia Federal em casos que interferem na segurança do voo.

No caso divulgado hoje, que ocorreu num voo da Azul entre São Paulo e Rio de Janeiro, a situação foi bem peculiar. A mulher não identificada se recusou a usar máscara após a decolagem e começou a discutir com a tripulação. O comissário então fez uma manobra de contenção, com uma espécie de “mata-leão” para conter a passageira, enquanto suas colegas traziam o kit de contenção, para poder prendê-la.

Mais detalhes sobre a ocorrência ou seu desfecho não foram informados e o vídeo que foi divulgado pela página Gossip no Instagram não fala nada além do que está sendo mostrado, mas é possível ver que o fato aconteceu num Embraer E195-E1 da companhia, e que passageiros falaram que o caso era “bizarro”. Não poderia deixar de ser.

Entramos em contato com a Azul para entender melhor o caso, e assim que a companhia nos responder, iremos atualizar a matéria.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Avião Embraer ERJ-145 CommutAir United Express

Jatos Embraer ERJ-145 da CommutAir ganham uma renovação total em seu...

0
A empresa aérea regional americana CommutAir anunciou na segunda-feira (6) o lançamento de um esforço para atualizar e substituir