Passageiro esquece pistola Glock 19 carregada dentro de avião da United

O guarda-costas do Secretário de Estado britânico Dominic Raab se meteu numa fria depois de ter esquecido uma arma carregada dentro de um avião da United Airlines após o desembarque e talvez nem tenha se dado conta da perda. Como consequência, ela foi imediatamente removido das funções. O Secretário esteve em Washington na semana passada para falar com políticos americanos sobre o Brexit e os próximos passos do processo.

Quem achou a arma

De acordo com reportagem da CNN International, um limpador da aeronave teria encontrado a pistola Glock 19 carregada em um assento da classe executiva de um voo da United Airlines, depois que ele pousou em Londres na sexta-feira (18).

O limpador deu o alarme à sua chefia depois de encontrar a arma, relatou o Sun, fazendo com que o avião fosse isolado a polícia embarcasse para averiguai o objeto, bem como fazer uma varredura para checar se não havia outros objetos não-usuais.

Quando a arma foi removida, iniciou-se uma busca na lista de passageiros para encontrar os suspeitos. Foi quando notou-se que Raab estava no voo e logo atribuiu-se a um dos seus seguranças o porte da arma. Os seguranças que acompanham autoridades são autorizados a portar armas e bordo de aeronaves.

Dominic Raab – Foto de Richard Townshend via Wikimedia Commons

Investigando

Um porta-voz da Polícia Metropolitana disse que o grupo está “levando este assunto muito a sério”. A Scotland Yard, de onde é o agente, disse que uma investigação interna estava ocorrendo. “O oficial envolvido foi removido de suas funções enquanto uma investigação interna sobre as circunstâncias está ocorrendo”, disse em nota.

O Sun relatou que o oficial tirou o coldre e o colocou no assento antes do avião pousar, talvez por maior conforto para se acomodar, mas esqueceu de colocá-la de volta e teria saído do avião sem portar o objeto, deixando-o para trás, num lamentável lapso de concentração.

Em fevereiro, um incidente semelhante aconteceu a bordo de um avião da British Airways, quando um guarda-costas do ex-primeiro-ministro David Cameron esqueceu sua arma no banheiro de um avião, a qual foi encontrada por um passageiro em pleno voo.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Estudo de Harvard atesta que voar de máscara é mais seguro...

0
Pesquisados da univerdidade norte-amerciana descobriram que o sistema de ventileção das aeronaves tem grande eficiência contra o coronavírus.