Passageiro filma seu avião engolindo um bando de pássaros durante a decolagem

Os pilotos de um Boeing 767-300 abortaram a decolagem de Cuba na quinta-feira (23), depois que sua aeronave se encontrou com um bando de pássaros, vindo uma parte a ser engolida pelo motor direito. Um passageiro a bordo do jato estava gravando sua partida e flagrou o momento em que as aves colidem e geram labaredas e estampidos, sucedidos pela decolagem abortada.

O avião em questão pertence à empresa russa Azur Air e decolava o balneário paradisíaco de Varadero para Moscou, com o número de voo ZF-556. Segundo apurou o The Aviation Herald, a bordo havia 330 passageiros e 14 tripulantes.

O incidente foi registrado quando a aeronave corria para decolar da pista 06 e rejeição do procedimento de decolagem teria acontecido quando o jato já atingia 130 nós. Após uma frenagem brusca, o Boeing retornou ao pátio com segurança. Uma inspeção pós-voo também revelou danos ao nariz da aeronave.

Como o avião foi considerado impróprio para o serviço após o incidente, uma aeronave reserva foi enviada a Varadero para buscar os passageiros. Os turistas foram temporariamente alojados em um hotel local.

Assista ao vídeo do passageiro:

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Após quase 1.000 dias, China finalmente recertifica o jato Boeing 737...

0
Os acidentes do Boeing 737 MAX levaram a interrupção dos voos, e um dos poucos países que ainda não tinham voltado com o jato era a China.