Início Empresas Aéreas Pela diversidade, UPS faz primeiro voo com tripulação totalmente negra em sua...

Pela diversidade, UPS faz primeiro voo com tripulação totalmente negra em sua casa

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

A UPS Airlines realizou, no final de semana, o primeiro voo em 31 anos de história do evento Thunder Over Louisville com uma tripulação totalmente negra. A equipe de quatro pessoas celebrou a diversidade e a pluralidade, com objetivo de incentivar crianças e jovens a entrarem para a aviação, como noticiou a rede de notícias americana ABC News.

O nativo de Louisville, Jordan Dorsey, primeiro-oficial do voo, considerou isso uma honra. “É um show aéreo do qual participo todos os anos desde que era criança”, disse ele.

Ele se sentou ao lado do comandante Norman Seawright Jr., que voa desde 1979. Seawright Jr. foi mentor de Dorsey ao longo de sua carreira. “Este é um jovem que expressa interesse pela aviação desde que o conheço há 23 anos”, disse. “Ele ganhou asas e realizou seu sonho”.

Assista abaixo ao vídeo do voo, compartilhado pela UPS:

Os outros dois membros da tripulação foram os observadores de segurança, com décadas de experiência em voo combinadas, comandante Jeff Harrison e o piloto-chefe assistente Sean Horton. Ambos esperam que este voo inspire as crianças, especialmente os afro-americanos, a pensar em uma carreira na aviação.

“Normalmente não se vê gente como nós nessa posição”, disse Harrison, que dá aulas de voo para crianças como parte de uma parceria entre a UPS Airlines e a Organização de Profissionais Aeroespaciais Negros. É um programa do qual Dorsey também fez parte enquanto ele estava crescendo na empresa.

“Se podemos voar e inspirar apenas um punhado de crianças a entrar para a aviação, considero nossa missão concluída”, explicou Horton. Ele disse que o voo é dedicado a “todos aqueles UPSers que fizeram tanto, especialmente no ano passado, quando as coisas estavam tão difíceis”.

A rota de voo levou a aeronave Boeing 767 sobre Louisville em direção ao campo de Bowman para uma passagem lenta e outra de alta velocidade antes de retornar à pista do Aeroporto Internacional Muhammad Ali, de Louisville. 

Sair da versão mobile