Pela primeira vez em sua história, AZUL voará para a China

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Como antecipamos aqui na semana passada, com exclusividade, a Azul Linhas Aéreas tinha planos para realizar operações pontuais para a China, como parte dos esforços brasileiros no combate à Covid-19. Agora, esses planos têm data para se cumprirem.

Segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a operação acontecerá na próxima semana, entre os dias 20 e 25 de maio. A princípio serão duas operações pontuais com o Airbus A330-900 (A330neo), o mais moderno da companhia.

Confira os horários dos voos:

  • Em 20 de maio, o voo AD9752 decola de Campinas às 15h rumo à Amsterdã e depois Guangzhou. Após os embarques, retorna da China para a Holanda e depois Viracopos, onde pousa às 15h do dia 24, como AD9573.

Em paralelo, outro voo estará acontecendo, mas com destino a Pequim:

  • Em 21 de maio, também às 15h, decola de Viracopos o voo AD9750 com destino à Amsterdã e depois Pequim. O retorno à Viracopos acontece em 25 de maio, às 15h, como AD9751.

Primeira vez

A informação foi divulgada pelos executivos da empresa na semana passada em transmissão ao vivo, junto com atualizações sobre a situação da companhia e o plano de recuperação para quando a situação se acalmar.

Segundo John Rodgerson, CEO da Azul, a empresa irá operar esses voos especiais a fim de fazer a repatriação de brasileiros e buscar equipamentos médicos, como testes para a Covid-19.

Os voos levarão tanto passageiros como carga na cabine principal. Todos os custos da operação serão por conta da Azul, como parte de uma doação da empresa no efetivo de guerra para combater a pandemia do novo coronavírus no país.

Será a primeira vez da companhia na Ásia, que já voa regularmente para a América do Norte e Europa.

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Novo avião russo MC-21, rival do B737 e A320, sofre incidente...

0
Imagens da aeronave após o pouso, conforme o vídeo, mostram que o jato acabou atolado em uma espessa camada de neve.