PIA paga R$38 milhões para liberar decolagem de seu Boeing 777 na Malásia

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Boeing 777-200ER PIA Pakistan International Airlines AP-BMH
Boeing 777-200 da PIA – Imagem: Sidowpknbkhihj / CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

A empresa aérea Pakistan International Airlines (PIA) pagou 1,124 bilhão de rúpias, ou cerca de 38 milhões de reais, em dívidas referentes a dois jatos alugados da empresa de leasing AerCap, para conseguir a liberação para um deles decolar da Malásia, segundo reporta o paquistanês The News.

A declaração feita ao Tribunal Superior de Londres na sexta-feira (22) se relacionada ao caso de apreensão do Boeing 777 da PIA pelas autoridades malaias na sexta-feira anterior, 15 de janeiro, no aeroporto de Kuala Lumpur, sob as diretrizes do Tribunal da Malásia. O Tribunal afirmou que o bloqueio do bem ocorreu porque a PIA não pagou suas dívidas à AerCap, com sede em Dublin.

A tripulação já estava preparada para a partida com passageiros a bordo, quando, ao contactar o Controle de Tráfego Aéreo, foi avisada para aguardar, pois as autoridades locais restringiram a decolagem por ordem judicial.

No entanto, nesta última sexta-feira, os advogados de ambas as partes concordaram em adiar a data da audiência na justiça, após a empresa de leasing de aeronaves confirmar que a PIA pagaria suas dívidas sem a necessidade da intimação do tribunal.

O advogado da AerCap disse: “A posição da parte reclamante é que as quantias foram pagas hoje pelo réu.”

Apesar das declarações e do acordo entre as partes na sexta-feira, dados da plataforma de rastreamento de voos FlightRadar24 mostram que a aeronave Boeing 777-200 de matrícula AP-BMH ainda não partiu da Kuala Lumpur até a publicação dessa matéria neste domingo (24).

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias