Início Variedades Piloto que decolou sem autorização para fugir do Talibã ganha medalha por...

Piloto que decolou sem autorização para fugir do Talibã ganha medalha por heroísmo

Foto: PIA

Na semana passada, repercutimos a história do comandante Maqsood Bajrani, que colocou sua aeronave comercial entre jatos militares e decolou de Cabul sem pedir autorização, depois que os controladores de tráfego aéreo deixaram seus postos em meio ao caos que tomava conta do aeroporto. Sua decisão baseou-se no princípio de que ele precisava levar seus passageiros em segurança para o Paquistão.

Naquele dia 15 de agosto, o comandante Bijrani anunciou aos passageiros, repentinamente, que eles decolariam para Islamabad. Pediu para que todos se sentassem e, em seguida, acelerou e taxiou rapidamente, colocando a aeronave na pista para decolagem. Após decolar, ele coordenou sua posição com o Centro de Controle do Catar e seguiu rumo ao seu destino.

O ato do comandante não foi ignorado pelo presidente paquistanês Dr. Arif Alvi, que nessa semana lhe concedeu a medalha de ouro presidencial “por seu papel extraordinário e de valor durante a situação de crise em meio à tomada de poder pelo Talibã”. A notícia da condecoração do comandante foi dada pelo CEO da PIA, Arshad Malik, em uma publicação no Twitter.

“Sentindo-me humilde pelo privilégio concedido ao #PIA ao conceder medalhas de ouro aos meus dois comandantes, Uzair Khan (TJ) e Bijrani pelo honorável @Pres do Paquistão, por demonstrar profissionalismo, gerenciamento de crise e coragem diante do caos. Bravo, minha equipe”, escreveu ele.

Sair da versão mobile