Plano da Azul é oferecer Wi-Fi de graça para todos os passageiros

A Azul Linhas Aéreas possui um plano ambicioso, com potencial para lhe trazer um enorme diferencial competitivo: a disponibilização gratuita de conexão Wi-Fi de alta velocidade a bordo de suas aeronaves. A ideia foi compartilhada por Daniel Bicudo, Diretor de Marketing e Negócios da Azul, no podcast da empresa aérea no Spotify.

De maneira gradual, a companhia aérea vem instalando, em seus aviões, os equipamentos necessários para permitir a conexão via satélite. Segundo o executivo relata, hoje são 10 os jatos da empresa prontos para oferecerem a conexão aos passageiros, mas esse número ainda deve aumentar substancialmente.

Enquanto isso, a empresa busca um ou mais parceiros que estejam interessados em patrocinar a iniciativa. Basicamente, o acordo envolve a veiculação de publicidade a bordo e por meio de todos os canais de contato com o passageiro (por exemplo, a revista, a TV, guardanapo, copo, o “tapete Azul”, entre outros), enquanto que a receita auferida desses contratos seria dedicada a pagar os custos da conexão Wi-Fi. Com o projeto, a empresa espera uma receita de até R$ 20 milhões por ano.

Esse movimento, se concretizado, alçará a Azul ainda mais alto na vanguarda da aviação global, no que diz respeito ao atendimento ao passageiro, sua principal marca. Hoje, são poucas as empresas que oferecem Wi-Fi a bordo e, delas, se contam nos dedos de uma mão as que entregam o serviço de graça para o cliente.

Da mesma forma, se confirmado, os passageiros agradecem.

Instalação do Wi-Fi é feita no Brasil

Desde o começo desse ano, a instalação do sistema de Wi-fi nas aeronaves da Azul, que antes era realizada fora do Brasil, agora está a cargo do centro de manutenção da companhia em Campinas, no interior de São Paulo. Até o fim deste ano pelo menos 30 aviões receberão esse produto. 

A primeira aeronave a receber o dispositivo foi o Airbus A320neo de matrícula PR-YRE, batizado de “20 fazer mais Azul”.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias