Qatar Airways: subsidiária na Índia e interesse em voos supersônicos

Durante o evento de entrega do primeiro Airbus A350-1000 em Toulouse, o CEO da Qatar Airways, Akbar Al Baker, revelou alguns dos planos ambiciosos para a companhia: subsidiária com mais de 100 aeronaves na Índia e possibilidade de voos supersônicos.




Não é a primeira vez que Al Baker sonha grande, após comprar diversas aéreas ele revelou o seu desejo de criar uma mega companhia aérea global com LATAM, Cathay, Iberia e British. Agora os planos se voltam para a Índia e voos acima da velocidade do som.

“Eu não vou dizer a vocês o tipo de aeronaves que iremos utilizar na Índia, mas como algum de vocês devem lembrar, teremos uma frota com ao mínimo 100 aeronaves” declarou o CEO. Um dos motivos é que a Índia é um mercado crescente, e que o país permite que uma aérea seja 100% controlada por estrangeiros.

Um ponto neste controle acionário é que não pode ser feito diretamente por aéreas estrangeiras, logo a Qatar irá utilizar um fundo de investimento para criar a nova aérea, que ainda não tem nome.

Já sobre os voos supersônicos, Al Baker afirmou que a Qatar está muito interessada nos novos projetos “não hesitaremos em serem clientes de lançamento de uma aeronave supersônica” complementou o CEO.

Mas um próximo passo rumo ao voo supersônico está pendente de análise futuras, principalmente sobre o motor que equipará a aeronave. Mas a Qatar estaria interessada em um pequeno número de aeronaves supersônicas na sua frota.

Com informações da Flight Global e Aviator.Aero

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos