Revelado novo projeto de avião elétrico movido a hidrogênio e com asa ‘diferentona’

Imagem: Akka Technologies

Na última quarta-feira, dia 13 de outubro, a AKKA Technologies, empresa europeia especializada em consultoria de engenharia e serviços de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) revelou sua nova aeronave Green&Fly totalmente elétrica, movida a hidrogênio e com um design inovador com asas em forma de romboedro. Projetado para transportar até 30 passageiros com uma autonomia de 500 km, é um conceito de avião de emissão zero para voos em escala regional.

O Green&Fly é uma alternativa de transporte regional, que visa aumentar a mobilidade em cidades de médio porte, onde não existem grandes centros. Capaz de suportar pistas de qualquer extensão (Short Take Off Landing- STOL), pode operar nas redes existentes de aeródromos, aproveitando assim infraestruturas subutilizadas.

Este conceito combina as tecnologias mais recentes e explora várias configurações para otimizar o desempenho aerodinâmico e o consumo de energia da aeronave, otimizando assim o seu potencial de eletrificação. O Green&Fly é uma aeronave leve e pequena (classificação CS25) com um design futurista e um mecanismo sofisticado alimentado por baterias de célula a combustível de hidrogênio e supercapacitores.

A forma romboédrica da asa, comparada a uma asa clássica, geraria menos turbulência na extremidade da asa permitindo uma redução no arrasto, abrindo novas possibilidades para um sistema de propulsão altamente eficiente. O enrijecimento de suas estruturas é inspirado na biomimética, baseada no processo de crescimento das nervuras de uma folha para melhorar a eficiência do enrijecimento, reduzindo a massa da aeronave. 

Para maximizar a taxa de utilização, o projeto da cabine é flexível, permitindo que a aeronave seja facilmente convertida de passageiro para cargueiro. O cockpit integra aplicativos digitais e IA para facilitar as operações com um único piloto. O projeto da aeronave também incorpora trem de pouso com recuperação de energia, com extensão / retração elétrica, com o objetivo de substituir gradativamente todos os componentes hidráulicos por elétricos para reduzir as emissões.

Este projeto mobilizou os engenheiros aeronáuticos da AKKA na França, Alemanha e Romênia e ilustra o compromisso do grupo em aumentar a escala de energia renovável e contribuir para a descarbonização da indústria da aviação, por meio da tecnologia e da inovação.

Mauro Ricci, presidente do conselho e CEO do grupo AKKA Technologies disse: “Estou orgulhoso de nossos engenheiros que criaram este conceito de aeronave que estamos revelando hoje. O Green&Fly mostra a expertise da AKKA em tecnologias emergentes e limpas, solidificando nossa posição como parceira de escolha para nossos clientes, conforme eles fazem a transição para produtos e soluções mais sustentáveis. Estou convencido de que o hidrogênio é uma das tecnologias mais promissoras, abrindo caminho para uma nova era na indústria da aviação, entre outros”.

Informações da AKKA Technologies

Leia mais:

Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias

Veja o que fizeram os pilotos no incidente em que o...

0
Novas informações trazidas pelo The Aviation Herald revelam que a companhia aérea divulgou mais detalhes sobre a ocorrência.