Início Indústria Aeronáutica Rússia parece finalmente aceitar que o mundo não quer seu novo avião...

Rússia parece finalmente aceitar que o mundo não quer seu novo avião de 4 motores

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Ilyushin IL-96-400M
IL-96-400M – Imagem: Ilyushin

Enquanto as empresas aéreas do mundo todo vinham programando as aposentadorias de seus aviões de quatro motores, e as fabricantes Boeing e Airbus definiam o fim da produção dos modelos B747 e A380, a Rússia seguia firme com o desenvolvimento da nova versão de seu quadrimotor Ilyushin Il-96.

Chegou a pandemia de Covid-19, os planos do mundo todo foram adiantados para um fim ainda mais precoce dos quadrijatos, e lá estava a Rússia, avançando com seu projeto, sem qualquer interesse de potenciais clientes.

Agora, parece que finalmente o país euro-asiático acordou para a realidade, ou ao menos se direciona por este caminho de bom-senso.

O Ministério dos Transportes da Rússia preparou um projeto de decreto governamental propondo redistribuir subsídios da produção e fornecimento de aeronaves IL-96-400M em favor de outros projetos, uma vez que, de acordo com o Ministério da Indústria e Comércio, não existem operadores potenciais para esta aeronave.

A proposta é afirmada na nota explicativa do projeto de decreto do governo sobre termos da redistribuição de fundos do orçamento federal no valor de 12,023 bilhões de rublos (US$ 157 milhões) para a implementação de medidas para fornecer um subsídio à State Transport Leasing Company (STLC), a fim de apoiar as vendas de aeronaves produzidas no mercado interno. O texto da minuta está publicado no portal Regulation.gov.ru.

Com base nos resultados da consideração, o Ministério da Indústria e Comércio da Rússia apresentou uma posição sobre a existência do risco de devolução do subsídio ao orçamento federal devido à ausência de um potencial operador de Aeronave Il-96-400M no momento.

Assim, o Ministério propôs uma redistribuição dos fundos, para o fornecimento de subsídios do orçamento federal para compras que garantirão o fornecimento de equipamentos de aviação específicos para companhias aéreas de transporte doméstico regional e local, o que afetará positivamente a condição financeira e econômica da indústria aeronáutica.

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.