Início Indústria Aeronáutica Rússia mostra, em vídeo, que o primeiro MC-21 comercial já ganhou suas...

Rússia mostra, em vídeo, que o primeiro MC-21 comercial já ganhou suas asas

O 1º avião MC-21-300 comercial – Imagem: UAC, via YouTube

A russa United Aircraft Coroporation (UAC) informa, e mostra no vídeo presente abaixo nesta matéria, que foi concluída nesta quarta-feira, 14 de julho de 2021, a acoplagem da estrutura da asa esquerda à fuselagem da primeira aeronave MC-21-300 a ser entregue a um operador comercial.

A montagem foi executada na Irkut Corporation PJSC (parte da UAC PJSC Rostec State Corporation). Anteriormente, também já tinham sido concluídas as montagens da seção central e da estrutura da asa direita.

A Rússia tem dado grande destaque ao fato de que as estruturas das asas e a seção central são feitas de materiais compostos de polímero desenvolvidos e produzidos no próprio país, na empresa AeroComposite-Ulyanovsk, eliminando a necessidade de uso de tecnologias de outros países.

Imagem: UAC, via YouTube

Imagem: UAC

Segundo a empresa, os materiais nacionais para a produção de estruturas compostas foram desenvolvidos com a participação da Universidade Estadual de Moscou e empresas da Rosatom. A asa é fabricada com tecnologia de infusão a vácuo, patenteada na Rússia.

A utilização de materiais compósitos rígidos e leves possibilitou o desenvolvimento de uma asa de alta razão de aspecto (grande dimensão da raiz até a ponta da asa, em relação à dimensão do bordo de ataque até o bordo de fuga) e a consequente melhoria da aerodinâmica da aeronave MC-21, o que, por sua vez, possibilitou aumentar o diâmetro da fuselagem para aumentar o conforto dos passageiros.

A UAC destaca que, em breve, os especialistas da Irkutsk Aviation Plant começarão a montar os sistemas da aeronave.

No vídeo a seguir, publicado pela empresa, inicialmente se nota a produção da asa em fibra de carbono, depois o transporte dela até a linha de montagem e, finalmente, a junção à fuselagem do primeiro exemplar destinado a um cliente.

Com informações da UAC

Sair da versão mobile