Segundo avião especial Airbus Beluga XL entra em serviço

O segundo avião especial BelugaXL da Airbus entrou em serviço nessa quinta-feira, 9 de janeiro. O primeiro voo da aeronave em serviço ocorreu de Toulouse para Frankfurt.

Avião Airbus BelugaXL número 2

A curiosa aeronave é baseada no Airbus A330 e ganhou um rosto amigável de baleia Beluga, escolhido por funcionários, da qual guarda muitas semelhanças físicas.

Assim como o também especial 747 Dreamlifter da Boeing, o Beluga é projetado para o transporte de cargas de grandes dimensões. A designação XL indica uma expansão do Airbus Beluga original, que agora ganhou 35% mais espaço de armazenamento.

Como tal, ele pode transportar duas asas para aeronaves Airbus A350, e o modelo XL complementará, ao menos por enquanto, a frota Beluga existente, ao invés de substituí-la.

O que é o Beluga?

Avião Airbus BelugaXL front door open

Dependendo do seu ponto de vista, o Airbus Beluga é uma aberração ou uma maravilha da indústria da aviação. A aeronave é baseada no Airbus A330, no entanto, tem uma enorme bolha na fuselagem, assim como a baleia homônima.

O Beluga anterior foi baseado no Airbus A300-600, depois de a fabricante europeia ter utilizado o Super Guppy para transportar itens volumosos. Ironicamente, essa aeronave foi originalmente construída pela Boeing, o que significa que as aeronaves da principal concorrente faziam parte da cadeia de fornecimento da Airbus.

A atualização XL

À medida que a Airbus cresceu, sua frota de Belugas tornou-se insuficiente para suas necessidades. Como resultado, a fabricante precisava de uma atualização.

O modelo XL tem uma capacidade muito maior que o seu antecessor. De fato, embora a fuselagem tenha quase 7 metros de comprimento a mais, agora também é 1,7 metros mais larga, chegando aos 8,8 metros. A título de comparação, a fuselagem do gigante Airbus A380 tem 7,14 metros de largura.

O segundo BelugaXL saiu do hangar de fabricação em março de 2019 para fazer parte do processo de testes de voo. O modelo recebeu a certificação da agência europeia EASA em novembro de 2019 e a aeronave de teste então passou por um processo de manutenção, antes de iniciar as operações.

Primeiro voo em serviço

Segundo a Airbus, na data de ontem o segundo BelugaXL a ser construído completou seu primeiro voo em serviço. A aeronave, registrada com a matrícula francesa F-GXLH, voou de Toulouse, no Sul da França, para Bremen, no Norte da Alemanha.

O voo partiu às 12:08 e, depois de 1 hora e 56 minutos, a aeronave pousou em Bremen às 14:04 (horários locais).

FlightRadar24 Voo Serviço Segundo BelugaXL
O primeiro voo de ontem do F-GXLH – Imagem: FlightRadar24

No entanto, não houve descanso para a baleia, que logo partiu de Bremen às 16:17 para Chester, no Reino Unido, pousando após 1h38min de voo, às 16:55 no horário local. Conhecido como Broughton, é lá que a Airbus constrói asas de aeronaves e continuará a fazê-lo mesmo após o Brexit, a saída do Reino Unido da União Europeia.

E ainda ontem, o F-GXLH já decolou de Chester às 19:39 de volta para Toulouse, onde pousou às 22:32 (também horários locais).

Confira a seguir mais informações e curiosidades sobre o Beluga da Airbus e também sobre o Dreamlifter da Boeing:

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Irmã da Azul, Breeze Airways pode voar para até 12 cidades...

0
A segunda irmã americana da Azul Linhas Aéreas, a Breeze Airways, reforça intenções de voos dos EUA para o Brasil.