Senadores estão preocupados com as próximas concessões aeroportuárias do Sudeste

Aeroporto de Congonhas, um dos ativos da próxima rodada de concessões

O Plenário do Senado vai promover, na sexta-feira (22), a partir das 10h, sessão remota de debates sobre propostas de concessões de aeroportos nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. O objetivo é discutir os impactos econômicos, urbanos, sociais e ambientais dessas iniciativas. A sessão foi requerida (RQS 1910/2021) pelos senadores Carlos Portinho, Antonio Anastasia e Romário.

Os senadores expressaram preocupação com a próxima rodada de concessões aeroportuárias planejada pelo governo federal, que inclui os aeroportos Santos Dumont e de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro (RJ), Campo de Marte e de Congonhas, em São Paulo (SP), e os terminais das cidades mineiras de Uberlândia, Uberaba e Montes Claros.

“É imprescindível debatermos o papel do Senado Federal frente às mudanças de cunho econômico e social que ocorre nas cidades após estes importantes programas de concessões públicas capitaneados pelo governo federal”, destaca o requerimento assinado pelos parlamentares.

Os nomes das autoridades que participarão da sessão ainda serão confirmados. Os senadores convidaram os ministérios da Economia, da Infraestrutura e do Turismo, a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), governos locais e empresas aéreas.

Informações da Agência Senado

Leia mais:

Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias

Polícia encontra passageiro tentando embarcar em avião com 300 aranhas na...

0
A polícia colombiana conseguiu interceptar dois alemães tentando embarcar no aeroporto El Dorado, em Bogotá, com centenas