Sindicato dos Engenheiros aprova proposta da Embraer

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Embraer E190
Imagem: Antônio Milena / Agência Brasil / CC-BY

Enquanto as conversas seguem truncadas entre a Embraer e o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, as coisas vão bem melhor nos acertos com outro sindicato, o dos Engenheiros.

O Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo assinou hoje Acordo Coletivo com a Embraer para a extensão dos benefícios aos engenheiros desligados da companhia no último dia 3 de setembro.

O acordo contempla ainda a garantia da manutenção do nível atual de engenheiros da empresa, que é agora da ordem de 3 mil profissionais, até abril de 2021.

Dessa forma, o plano de saúde familiar passa a ser válido até junho de 2021. O vale alimentação no valor de R$ 450 também será fornecido pelo mesmo período.

A aprovação da proposta ocorreu em assembleia virtual organizada pela entidade para apreciação dos benefícios especiais. De acordo com a SEESP, 83% dos votos válidos foram favoráveis a medida.

Informações oficiais da Embraer

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias