Sinta como é manobrar um enorme Jumbo Boeing 747 em sua saída para voo

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram.

Se tem um trabalho de solo na aviação comercial que mexe de verdade com o desejo dos apaixonados por aviação, pode ter certeza que é o de manobrar aeronaves. Especialmente quando se trata de um voo iniciando sua jornada, com o acionamento dos motores.

Vídeo Pushback Boeing 747-8 Jumbo
Boeing 747 sendo manobrado em solo

Poder estar bem embaixo dos enormes aviões comerciais permite contemplar toda sua imponência sob um ângulo de visão que a maioria das pessoas nunca teve ou vai ter na vida. E quando se trata de uma aeronave de 19 metros de altura e 68 metros de envergadura, como o Boeing 747-8, as coisas ficam ainda mais interessantes.

O chamado “pushback” dos aviões, o ato de tirar a aeronave de sua posição empurrando-a para trás, é geralmente efetuado por um trator de reboque desenvolvido especificamente para essa função.

Através de uma barra adequada ao modelo do jato, o trator é fixado ao trem de pouso dianteiro do avião para que possa fazer o direcionamento em solo. Existem também alguns modelos em que a roda dianteira do jato sobe em uma plataforma do próprio trator.

Trator Pushback Reboque Aeronaves
Exemplo de trator de pushback, com a roda do avião na plataforma – Imagem: Roland Kemer [CC]

Quem tem o privilégio de trabalhar nas funções relacionadas ao momento do pushback pode experimentar mais do que apenas a proximidade com os enormes aviões. Quando se trata do início do voo, experimenta também a sensação de ver e sentir bem de perto o acionamento dos potentes motores aeronáuticos, já que eles costumam ser ligados nesse momento. Talvez algo sem importância para uma pessoa qualquer, mas um deleite para quem admira a aviação ou a incrível tecnologia envolvida.

E, felizmente, para todas as pessoas que admiram a aviação e não têm esse privilégio de estar bem pertinho dos gigantes, alguns responsáveis por essa função de solo fazem a boa ação de gravar o momento, mostrando desde o início da movimentação, passando pelo acionamento dos motores, até o posicionamento final no qual o jato começará seu deslocamento por conta própria. Só fica faltando mesmo sentir a vibração física.

Veja a seguir dois bonitos vídeos gravados nessa situação, um com a versão mais moderna de passageiros do Jumbo, o Boeing 747-8I, e outro com a de cargas, o 747-8F. Depois, logo abaixo dos vídeos, aproveite para ver também o caso incomum do 747 que precisou ter seu pushback feito “no braço”, sem o uso do trator! Dá para acreditar?!

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias