Star Alliance ainda na tentativa de incluir a Azul.

IMG_1660

Em entrevista para o site Flightglobal, Mark Schwab, executivo-chefe da Star Alliance, confirmou que continuam as conversas com a Azul Linhas Aéreas Brasileiras a fim de expandir a presença da aliança global no Brasil.

Ele acredita, inclusive, que a aliança pode ajudar a empresa nesse momento de crise econômica no Brasil em que todo fluxo de receitas é bem vindo. Outro tema que agrada a Star Alliance é a aproximação da Azul com as outras companhias-membro TAP e United Airlines.

Segundo Schwab, a razão pela qual a aliança busca um novo parceiro no Brasil é o fato de ser um país estratégico, que concentra 40% do tráfego aéreo da América Latina. Por aqui, a Star Alliance já tem a Avianca Brasil como afiliada, no entanto o executivo acredita que a aliança precisa de mais um parceiro para solidificar a presença no mercado brasileiro.

Carlos Roman
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Avião Boeing 777-300ER LATAM

Veja imagens do raro pouso do Boeing 777 da LATAM no...

0
O pouso ocorreu às 18h00 pela pista 33 de Viracopos, ainda com um restinho de luz do dia para que pudéssemos trazer a você as imagens desta matéria.