TAP faz o primeiro voo de um Airbus A330neo adaptado como cargueiro

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Pela primeira vez em sua história operacional, uma aeronave A330neo foi adaptada para transportar exclusivamente carga.

A aeronave pousou ontem (24) no Aeroporto Francisco de Sá Carneiro, na cidade do Porto, Portugal, as 10:24 (local), proveniente do Aeroporto Internacional de Xiamen Gaoqi, em Xiamen, na China, de onde decolou as 03:35 (local) do mesmo dia 24.

A bordo, material médico para auxiliar no combate à pandemia ao novo coronavírus. O voo, de acordo com dados do Flightradar24, teve duração de 13:49 horas, percorrendo a distância de 10.896 km.

A aeronave que realizou a missão, de registro português CS-TUQ, é um A330-900neo, sendo uma das mais novas da frota da transportadora portuguesa. Ela foi entregue à Companhia no dia 14 de fevereiro desse ano, segundo o AeroTime Hub.

A ida para a China partiu de Lisboa no último dia 22, pousando em Xiamen após 13:33 horas de voo, percorrendo 11.110 km na primeira etapa da missão.

No momento atual, devido à alta na demanda por transporte de carga aérea, necessária nos esforços de combate à pandemia, e, por outro lado, à baixa no transporte de passageiros por conta das medidas de combate à doença, as Empresas Aéreas têm provisoriamente “convertido” suas aeronaves para o transporte de pequenas cargas.

A aeronave da TAP teve todos os assentos de passageiros removidos, de modo a acomodar mais adequadamente a carga transportada. Esta é uma prática atualmente comum, sendo adotada por inúmeras Empresas Aéreas em suas aeronaves de transporte de passageiros, mas não em um A330neo, até agora.

A Azul, por exemplo, também está utilizando um A330-900 para o transporte de cargas, porém somente através dos porões da aeronave, sem modificações na cabine de passageiros.

Rastreamento do voo do CS-TUQ no dia 24 de maio. Fonte: FlightRadar24

A aeronave da TAP é equipada com dois motores Rolls Royce Trent 7000 e, em sua configuração normal, apresentaria 298 assentos, incluindo 34 assentos de Classe Executiva, 96 assentos da Economy Xtra e 168 assentos Econômica, segundo o AeroTime Hub.

A portuguesa TAP foi a Companhia de lançamento do A330-900neo, tendo recebido o primeiro avião do modelo em novembro de 2018. A título de curiosidade, o primeiro voo comercial do A330-900neo pela TAP ocorreu no dia 15 de dezembro de 2018, de Lisboa para o Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo.

Em Lisboa, já a bordo do voo histórico para o Brasil, o CEO da TAP, Antonoaldo Neves, surpreendeu os passageiros ao sortear seu assento na classe executiva entre os clientes da classe econômica.

Compõem hoje a frota da TAP 19 unidades do A330-900neo, com a Empresa portuguesa possuindo outros 10 aviões do modelo encomendados. Além dos 19 A330neo, a TAP também opera sete A330-200.

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Rodnei Diniz
Engenheiro aeronáutico e mecânico, atuante em gestão de manutenção aeronáutica, aviação geral, executiva e comercial. Atento aos detalhes, gosta de ler e escrever sobre a história da aviação.

Veja outras histórias

Tamanho do Embraer E195-E2 favorecerá a KLM, afirma CEO

0
Em entrevista exclusiva ao AEROIN, o CEO da KLM Cityhopper apontou as vantagens do novo Embraer E2, e como isso é importante para a aérea.