Tour de luxo pela Amazônia será feito com Boeing 737 da Sideral Linhas Aéreas

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Foi flagrado em Curitiba mais um avião da Sideral Linhas Aéreas customizado para uma ocasião especial. Dessa vez, o Boeing 737-500 em configuração de classe executiva da empresa foi registrado pelo fotógrafo Marcos Rocha, ainda dentro do hangar da empresa, com o logo da operadora brasileira de turismo de luxo Latitudes.

Segundo informações, a empresa irá utilizar, pela primeira vez, um avião de uma companhia aérea nacional, para seu novo tour de luxo pela Amazônia. O jato de matrícula PR-SDH será parte de um tour chamado “Private Jet Expedition Rio Negro”, que levará os turistas a bordo do 737 que tem uma configuração VIP de apenas 52 confortáveis poltronas que reclinam 150º, ao invés dos tradicionais 120 assentos da econômica que este avião costuma levar.

Ao contrário de tours anteriores, em que a empresa usou um Boeing 757-200 para uma viagem ao redor do mundo e um Airbus A319 para rodar vários países da Àfrica, desta vez a parte aérea no jato VIP se limitará ao trecho entre São Paulo e Manaus. Voos internacionais estão complexos devido às regras de entradas em vários países, que impossibilitam qualquer planejamento de longo prazo.

Foto de Marcos Rocha do avião no hangar

Segundo a operadores, serão dias de uma intensa experiência no coração da Floresta Amazônica, a bordo de luxuosos barcos que dão todo o conforto aos viajantes, além de viagens num avião especial: um Caravan C208 Anfíbio, que fará o voo entre Novo Airão e Manaus. Apesar da Latitudes não divulgar a empresa responsável por esse avião, uma possibilidade é de que seja a Manaus Aerotaxi, maior operadora do modelo na região.

O voo especial do Boeing 737 irá decolar de São Paulo no dia 23 de janeiro do próximo ano. Enquanto isso, o PR-SDH já está sendo decorado com a logo da Latitudes no hangar da Sideral no aeroporto Afonso Pena, como mostra a foto acima (fotos mais nítidas serão disponibilizadas depois que a aeronave sair do hangar).

Apenas para informação, aos interessados, o tour pela Amazônia tem o custo de US$ 13.900 (em dólares), o equivalente a R$ 80.000 por pessoa.

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias