Tráfego aéreo de passageiros na América Latina tem queda de 92,3% em junho

A Associação Latino-Americana e do Caribe de Transporte Aéreo (ALTA) informa que as companhias aéreas que operam no mercado da região transportaram 2,7 milhões de passageiros em junho, 32.324.328 passageiros a menos do que no mesmo período do ano anterior, o que representa uma redução de 92,3% do tráfego aéreo.

O número de passageiros que viajou de e para a América Latina e o Caribe em junho foi de 431.179 passageiros, 94,2% a menos que em junho de 2019.

O mercado doméstico brasileiro – o maior da região – que registrou quedas de mais de 90% em abril e maio, recuou 87% em junho.

ALTA continua empenhando-se para que as companhias aéreas da região garantam sempre aos passageiros a confiança nos protocolos de biossegurança que estão sendo aplicados de forma que a aviação não seja um vetor de propagação da Covid-19.

Para ler a íntegra do relatório de tráfego aéreo de junho de 2020 da ALTA acesse esse link.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias