Início Acidentes e Incidentes Trem não abre por completo e passageiros ficam em posição de impacto...

Trem não abre por completo e passageiros ficam em posição de impacto no pouso

Momento em que os passageiros desembarcam do Airbus A320 da Allegiant Air, após o incidente

Um incidente envolvendo um Airbus A320 foi registrado no último domingo, dia 19 de setembro, no qual o jato teve problemas em um dos trens de pouso principais e os passageiros precisaram se colocar na posição de impacto momentos antes do toque na pista.

A ocorrência aconteceu com a aeronave da companhia aérea Allegiant Air registrada sob a matrícula N220NV, que estava realizando o voo de número G4-2601 de Knoxville, no Teneessee, para Boston, em Massachusetts, ambas cidades nos Estados Unidos.

Conforme relata o The Aviation Herald, a aeronave, que estava com 154 passageiros e 6 tripulantes, aproximava-se para pouso na pista 33L do Aeroporto Internacional de Boston quando a tripulação resolveu arremeter a 1.200 pés (cerca de 360 metros de altura), alertando à torre que eles precisavam resolver um problema.

Após abortar a aproximação, a aeronave foi levada de volta para 4.000 pés (cerca de 1.200 metros de altura) e entrou em espera enquanto os pilotos avaliavam a resolução do problema por cerca de 15 minutos, até declarar emergência. Segundo as informações, foi alegado haver uma indicação de que o trem de pouso principal direito não estava baixado e travado totalmente.

Dados obtidos através da plataforma RadarBox mostram a trajetória da aeronave, desde a aproximação, passando pela arremetida até o local da espera em voo.

Trajetória da aeronave na cor laranja antes do pouso – Imagem: RadarBox

Diante do problema, os comissários de bordo começaram a preparar a cabine para o pouso de emergência, solicitando que os passageiros assumissem a posição de apoio para o pouso, conhecida como posição de impacto, postura essa em que a pessoa fica em posição fetal sobre o assento, abaixando sua cabeça entre as pernas.

O Airbus A320 se aproximou para o pouso na pista 33L após 25 minutos de espera e, ao tocar o solo, teve o pneu externo do trem principal direito estourado. Ao parar na pista, os motores foram desligados e todos os passageiros foram desembarcados por escadas móveis na pista, como você pode ver na primeira imagem da matéria, e em seguida foram levados de ônibus até o terminal.

Na imagem a seguir, nota-se a perna direita do trem de pouso em uma posição não totalmente estendida, travada um pouco antes da abertura total.

Pneu do A320 estourado – Imagem: The Aviation Herald

Ao comentar o incidente, a companhia aérea apenas informou que a aeronave teve um pneu furado na aterrissagem e foi desativada. Segundo dados do RadarBox, o A320 permanece em solo desde o incidente no começo da tarde do dia 19 até a tarde desta terça-feira.

Leia mais:

Sair da versão mobile