Três Boeing 747-400 voltarão à vida graças a essa empresa aérea emiradense

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Foto de Alex Beltyukov, CC BY-SA 3.0 GFDL 1.2, via Wikimedia Commons

A Acquiline International, uma empresa aérea dos Emirados Árabes Unidos focada em voos fretados e aluguel de aeronaves, informou que finalmente adquiriu três Boeing 747-400 da extinta companhia aérea russa TransAero, depois de mais de três anos de imbróglio burocrático para conseguir liberar as aeronaves.

Todo o processo de aquisição da aeronave levou mais de três anos para a Acquiline. Depois de uma tentativa fracassada em 2017, quando o proprietário atrasou a entrega da aeronave por mais de seis meses, uma quantidade considerável de tempo e oportunidades foram perdidas. No entanto, o CEO da Acquiline, Roman Trandafiloff, acredita que a demanda por essa aeronave retornará devido à pandemia, escreveu ele em um post no LinkedIN.

A Aquiline opera, arrenda e freta uma frota própria de aeronaves em regime ACMI, Damp Lease e Dry Lease. Sua frota atual consiste em um Boeing 747-400F e dois Boeing 747-400BCF.

Além dos grandes jatos, a empresa tem três aeronaves cargueiras Boeing 737-300QC, que são operadas em regime de locação pela Vision Air International do Paquistão; outros três Boeing 737-300 e dois Boeing 747-200F operados pela TCA Airlines e GEO Sky. Ela também possui e opera quatro aeronaves Antonov An-32 para a DHL Aviation e French MoD.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias