Três grandes leões voam a bordo de um avião turboélice Pilatus

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Embarcar num pequeno avião turboélice com três leões a bordo não é algo que acontece todos os dias, mas foi o que aconteceu na África, na semana passada, e ficou registrado em curiosas imagens.

Três leões do Kalahari (Panthera leo verneyi), que são os maiores da África, foram levados em um turboélice Pilatus PC-12 durante uma transferência entre reservas na África do Sul. O translado foi para incentivar a procriação de leões pelo país, incentivando a manutenção da espécie e a diversidade genética, que hoje está na escala vulnerável no nível de estado de conservação, o qual vai de não preocupante até extinto.

Cada leão pesa em média 200 kg, totalizando 600 kg, excluindo equipamento e os veterinários que acompanharam os animais. Isto não foi um problema, já que o PC-12 leva mais de 1.200 kg de carga útil e pousa em pistas não preparadas, uma grande vantagem para este tipo de operação.

O voo ficou a cargo da The Bateleurs, uma organização sem fins-lucrativos que tem hoje 200 pilotos voluntários e dezenas de aeronaves, fornecendo serviços humanitários em diversas partes da África, com mais de 600 missões completadas.

Os leões foram sedados pelo veterinário Andy Fraser, que utilizou dardos com sedativos para acalmar as feras. Elas foram colocadas dentro do Pilatus da maneira mais confortável possível.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias