Início Empresas Aéreas Turkish Airlines desmembra empresa para criar subsidiária só de carga

Turkish Airlines desmembra empresa para criar subsidiária só de carga

Avião Boeing 777F Turkish Cargo
Boeing 777F da Turkish Cargo

Na esteira do aquecimento do mercado de carga aérea em meio à pandemia, a Turkish Airlines manteve toda sua frota de 18 aviões cargueiros puros (10 A330F e 8 B777F) em plena atividade. Mais do que isso, continuou alugando aeronaves de outros operadores, como os Boeing 747 da MyACT e adaptou aeronaves de passageiros para levarem encomendas a bordo.

E parece que a empreitada cargueira ainda tem muito potencial, tanto é que a companhia turca, que possui uma das maiores redes de destinos do mundo, resolveu criar uma nova empresa, subsidiária do grupo, e que será totalmente voltada para a carga. Não que a divisão de carga aérea atual já não fosse, mas a empresa comenta que, criando a nova estrutura, ela pode ser mais ágil.

A nota da empresa, publicada no site de relações institucionais da empresa diz:

Nosso Conselho de Administração decidiu estabelecer uma empresa de carga aérea, subsidiária integral do grupo, devido à crescente tendência em operações de carga e à necessidade de tomarmos ações rápidas, focada em estratégias como desenvolvimento de novos produtos e integração vertical. A empresa recém-criada fortalecerá nossa posição entre os participantes mais importantes no setor de carga, aproveitando ao máximo a vantagem competitiva exclusiva da Turkish Cargo e criando uma plataforma separada para potenciais parcerias estrangeiras estratégicas no futuro.

Voos ao Brasil

Apesar de ter suspendido os voos de passageiros ao Brasil durante alguns meses, devido à Covid, a Turkish jamais parou de realizar seus voos de carga. Ao contrário, devido a não poder usar a barriga dos jatos de passageiros, a empresa até aumentou a quantidade de operações.

Hoje, segundo os dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a empresa mantém os seguintes voos de carga para São Paulo, todos operados com Boeing 777:

– um voo às quartas-feiras na rota Istambul – Miami – São Paulo – Dacar – Istambul, com Boeing 777F;

– um voo aos domingos na rota Istambul – Dacar – São Paulo – Dacar – Istambul com Boeing 777F;

– dois voos, às quartas e sextas-feiras, na rota Istambul – São Paulo – Buenos Aires – São Paulo – Istambul, esse operado com Boeing 777-300ER de passageiros (adaptado para carga).