Turkish Airlines quer criar um ‘hub’ regional na América do Sul

A Turkish Airlines vê potencial para que a Colômbia seja uma espécie de “hub” regional na América Latina, dada a posição geográfica privilegiada de Bogotá e a grande quantidade de conexões possíveis a partir dali. A ideia é que a parceria atual da empresa turca com a Avianca seja ampliada para tornar esse projeto uma realidade.

“Depois da pandemia, o que temos que melhorar é o tráfego para a Colômbia, temos que trazer mais turistas e usar Bogotá como um ‘hub’ regional para a América Latina, assim como Istambul é um ‘hub’ para o mundo”, afirmou Cemal Kaya, gerente geral da Turkish Airlines para a Colômbia e o Panamá, em uma discussão organizada pela Procolombia e da qual participou o Reportur.

Atualmente, os voos na rota entre Istambul e Bogotá acontecem três vezes por semana, mas a expectativa é que a Turkish opere um voo diário em breve, depois que a pandemia estiver controlada. Com isso, o acordo com a Avianca seria ampliado e atingiria ainda mais destinos no Caribe e América do Sul.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias