United define rota de estreia de seu Boeing 787-10

A United Airlines vai estrear a variante mais longa da família Boeing 787 no seu hub em Newark Liberty, em janeiro, terminando meses de especulação sobre onde a primeira aeronave seria utilizada.

Avião Boeing 787-10 Dreamliner

Boeing 787-10 – Imagem: Boeing




O 787-10 está programado para entrar em serviço com a United em voos entre Newark e Los Angeles no dia 7 de janeiro, operando inicialmente seis vezes por semana, segundo os dados da programação da FlightGlobal.

Na sequência, a companhia expandirá o uso do 787-10 em voos entre Newark e São Francisco a partir de 14 de fevereiro.

A United tem pedidos para 14 unidades do 787-10s, com os três primeiros previstos até o final deste ano, segundo o Flight Fleets Analyzer. Atualmente, já opera 12 unidades do menor exemplar da família, o 787-8, e 25 do 787-9. Possui ainda pedidos para outros quatro -9s.

Após os testes iniciais nas rotas domésticas, a aeronave deverá ser realocada para as rotas longas internacionais. “É um avião excepcional para o mercado europeu”, disse Scott Kirby, presidente da United, em agosto. “É quase certo que voará de Chicago, Newark e Washington Dulles para a Europa.”

A United será a primeira operadora norte-americana do 787-10. A Singapore Airlines foi a cliente de lançamento do modelo em abril. A aeronave é 11 metros mais longa do que o modelo base 787-8, e possui alcance de 6.430 milhas náuticas (11.900 km).

 
Informações pelo Flight Global.
 

Singapore recebe primeiro B787-10 e lançará aeronave no mercado

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.