United se rende ao Airbus A321neo XLR e encomenda jato para substituir Boeing 757

Após meses de negociação, a United Airlines se rendeu à rentabilidade do Airbus A321neo XLR, que agora substituirá o lendário Boeing 757.

Airbus A321neo United
Airbus A321neo XLR da United

Como reportamos em primeira mão em abril, o CEO da companhia havia afirmado que, para substituir os Boeings 757, seria necessário mais de um modelo de aeronave, apontando para outro avião além do 737 MAX.

O MAX já estava proibido de voar nos EUA naquela época, mas o principal motivo para que a United não focasse apenas no produto da Boeing foi outro: o alcance.

Os 50 Airbus A321 encomendados pela companhia hoje são o modelo XLR, com alcance de até 8.700km, 15% a mais que o A321LR e 30% a mais que o A321neo. Com isso, será possível voar de qualquer hub da United na Costa Leste para qualquer capital da Europa, incluindo Moscou.

O XLR é uma versão com tanques extras, além dos adicionais que equipam o A321LR. Ambas as variantes são oriundas do A321neo, que por sua vez é a versão com novos motores do A321ceo.

757 da United em Lisboa

A United Airlines não informou qual será a configuração do seu jato, mas deverá ser em torno de 200 assentos. Os atuais 50 jatos 757 da companhia levam até 169 passageiros, servindo principalmente rotas domésticas de alta demanda, além de voos para o Havaí, Grã-Bretanha e Península Ibérica.

O primeiro modelo A321XLR aterrissa em 2024 na United.

Com informações da Assessoria de Imprensa da United Airlines

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos