Valor do leasing do Boeing 737 MAX sofre queda após acidente

Logo após o acidente do Boeing 737 MAX da Ethiopian e ainda sob os efeitos do acidente da Lion Air, o valor do leasing (aluguel) do avião sofreu uma grande queda.

737 MAX parados na fábrica da Boeing em Seattle © Huy Do

Uma análise feita pela Ascend Consultancy da Cirium / Flight Global aponta uma queda entre 12 e 13% no valor dos contratos do 737 MAX 7, MAX 8 e MAX 9.

Um detalhe importante é que os valores são do final de março, semanas após o acidente da Ethiopian porém antes das aeronaves serem proibidas de voar, o que tem causado prejuízos milionários para as aéreas e a Boeing.

No início do ano o 737 MAX 8 tinha o leasing no valor mensal de $401 mil dólares, hoje esse valor é de $355 mil. A queda nos modelos 737 MAX 7 e MAX 9 que não estiveram envolvidos no acidente foi 1% menor.

Com isso o valor do leasing do 737 MAX 8 está igual ao do 737-800 considerando unidades que foram fabricadas e entregues no mesmo mês, ou seja, com a mesma idade.

Enquanto isso o Airbus A320neo teve uma queda média de 4% chegando a $380 mil enquanto o A319neo sofreu uma depressão maior no valor após mais meses sem encomendas, chegando a redução de 7% no período de janeiro à março deste ano. Já o best-seller A321neo teve uma queda de 3% no valor do leasing.

Efeito MAX nos Classics cargueiros

737-400F da brasileira Connect Cargo

Apesar do relatório não englobar preços pós-grounding do 737 MAX, contém dados do mercado sobre o efeito da paralisação do avião.

Muitas aéreas, incluindo a brasileira GOL, tem recorrido ao 737-800 para preencher o espaço deixado pelo MAX. Com isso diversas conversões de 737-800 de passageiros para carga foram suspensas.

O efeito imediato foi um aumento de até 10% na procura tanto pelo leasing como conversão de 737-400, da série Classic. As empresas cargueiras mudaram a sua estratégia e agora tem olhado mais para a questão de horas disponíveis da aeronave / ciclos totais ao invés da idade propriamente dita.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos