Início Acidentes e Incidentes Veja o que a Força Aérea explica sobre a investigação da queda...

Veja o que a Força Aérea explica sobre a investigação da queda do avião em Piracicaba

Local da queda da aeronave

Na terça-feira, 14 de setembro, acompanhamos com tristeza o acidente com o turboélice Beechcraft King Air registrado sob a matrícula PS-CSM, que caiu poucos segundos após decolar do Aeroporto Comendador Pedro Morganti, na cidade de Piracicaba, interior de São Paulo.

O bimotor modelo B200GT foi visto girando para a direita e mergulhando até colidir contra o terreno nas proximidades da Faculdade de Tecnologia (Fatec) da cidade, a 1.500 metros do aeroporto, vitimando fatalmente todos os 7 ocupantes, sendo dois pilotos e uma família de marido, esposa e três filhos (para rever o vídeo e as informações, clique aqui para acessar).

Diante do acidente, as autoridades relacionadas à investigação se deslocaram ao local e iniciaram os trabalhos de coleta de evidências e testemunhos, e a Força Aérea Brasileira (FAB) emitiu uma rápida nota explicando os passos iniciais deste processo.

O comunicado da FAB detalha o seguinte:

– Investigadores do Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA IV) realizam a ação inicial da ocorrência envolvendo a aeronave de matrícula PS-CSM, em Piracicaba/SP;

– O SERIPA IV, sediado em São Paulo/SP, é um órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) da FAB. O objetivo das investigações realizadas pelo CENIPA é prevenir que novas ocorrências com características semelhantes ocorram;

– Na ação Inicial, os investigadores identificam indícios, fotografam cenas, retiram partes da aeronave para análise, ouvem relatos de testemunhas, reúnem documentos, etc. Não existe um tempo previsto para essa atividade ocorrer, dependendo sempre da complexidade da ocorrência.

O acidente já foi incluído no sistema do CENIPA, tendo sido classificado como de tipo “Perda de Controle em Voo”, com a seguinte descrição:

“A aeronave decolou do Aeródromo de Piracicaba (SDPW), Piracicaba, SP, por volta das 12h00min (UTC), com 7 pessoas a bordo. Logo após a decolagem, a aeronave veio a colidir com o terreno em uma área de vegetação. A aeronave ficou destruída. Os tripulantes e passageiros sofreram lesões fatais.”

Segundo o Record News informou ontem, 15 de setembro, a caixa-preta da aeronave já foi encontrada:

Para saber mais sobre o trabalho que será feito pela FAB nesta investigação e na prevenção para evitar que outros acidentes aeronáuticos semelhantes ocorram, veja o vídeo a seguir:

Traremos novas atualizações aqui no AEROIN conforme as investigações avançarem e outras informações forem divulgadas a respeito.