Veja como foi o pouso da aeronave que interditou a pista de Curitiba nesse sábado

A pista principal do aeroporto Afonso Pena, que atende à Região Metropolitana de Curitiba, ficou impraticável neste sábado (22) após uma aeronave pousar com problema técnico em seu trem de pouso, e o momento ter sido registrado em vídeo.

Vídeo Pouso Problema Trem de Nariz Piper Curitiba

A aeronave pertencente à empresa Táxi Aéreo Hércules Ltda enfrentou a falha ainda em voo, e o piloto informou a necessidade de um pouso de emergência no aeroporto de Curitiba, localizado em São José dos Pinhais.

O trem de pouso de nariz do bimotor turboélice Piper PA-42-720 “Cheyenne” não havia funcionado corretamente, ficando apenas parcialmente baixado, enquanto os trens de pouso principais baixaram normalmente.

As equipes de emergência do Afonso Pena colocaram-se em prontidão nos arredores da pista principal para o caso de qualquer necessidade, e o piloto prosseguiu para o pouso.

Aeroporto Curitiba Afonso Pena Google Maps
Vista aérea do Afonso Pena – Imagem: Google Maps

Diante da falha com o trem dianteiro, o piloto demonstrou boa habilidade no controle da aeronave, mantendo o nariz elevado desde o toque na pista até que o Cheyenne perdesse velocidade a ponto de não ser mais possível segurar a elevação.

O nariz então abaixou-se e o trem dianteiro recolheu-se, arrastando-se pela pista até a parada total do turboélice, momento em que as equipes de emergência partiram em direção ao Piper.

Não houve princípio de incêndio, e os dois tripulantes evacuaram imediatamente o bimotor, que tem capacidade para 7 passageiros, mas não transportava nenhum no voo do incidente.

Segundo a Infraero, o incidente interditou a pista principal de Curitiba das 12h20 até às 16h29, porém os pousos e decolagens não foram afetados, tendo sido utilizada a pista auxiliar nesse período.

Confira a seguir o vídeo do pouso do Piper:

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias