Em vídeos, Jumbos da Corsair fazem lindos rasantes na triste despedida dos céus

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Vídeos gravados nesta semana mostram lindas imagens dos imponentes Boeings 747, os famosos Jumbos, fazendo rasantes, que só não são ainda mais incríveis por estarem, infelizmente, associados ao fim da operação das aeronaves.

Video 747 Corsair Rasantes Orly Costwold

A Corsair International, companhia aérea baseada em Paris e focada em destinos de lazer de longa distância, é mais uma das empresas que têm adiantado a aposentadoria de seus Jumbos de transporte de passageiros devido ao impacto da pandemia na aviação mundial.

Pertencente aos grupos alemães Intro Aviation e TUI, e baseada no aeroporto parisiense Orly Airport, a Corsair ficou bastante conhecida por fazer pousos frequentes com os Boeings 747 no famoso Aeroporto Internacional Princesa Juliana, em Sint Maarten, no Caribe.

Avião Boeing 747-400 Corsair
O 747 da Corsair, ainda na pintura antiga, em St. Maarten – Imagem: Fran Jurado [CC]

Mas, apesar de toda a história e importância no sucesso da companhia que o Jumbo teve, levando turistas de toda a Europa para o Caribe e outros destinos de lazer pelo mundo, a pior queda de demanda da história da aviação e a perspectiva de retomada lenta trouxeram a despedida do enorme Boeing para o presente.

Até o início da pandemia, a Corsair matinha ativos em sua frota três Boeings 747-400 de passageiros. Eram eles os aviões de matrículas F-GTUI, F-HSEA e F-HSUN. Os planos de aposentadoria destes jatos eram para dezembro de 2020 e abril de 2021.

Porém, após toda a inesperada reviravolta da aviação mundial neste 2020, os três deixaram de alçar voos nos primeiros meses deste ano, e agora se despedem definitivamente de sua história no céu.

O F-GTUI, produzido em 1992, segue fora de operação estacionado no Paris-Orly, ainda sem uma previsão anunciada de seu rumo. Já seus dois companheiros fizeram o derradeiro voo nesta semana.

F-HSUN

O F-HSUN, produzido em 1993, partiu de Orly na terça-feira, 9 de junho, rumo ao Kemble Cotswold, o pequeno aeroporto no Reino Unido que recentemente também recebeu Jumbos da British, conforme mostramos aqui. Na decolagem de Paris, o piloto do 747 da Corsair fez um enorme “tchauzinho” com suas asas. Acompanhe a seguir:

Já em sua chegada a Cotswold, o Boeing 747 da Corsair fez um belo rasante antes de prosseguir para a segunda aproximação, que levou ao último pouso de sua história.

Além do rasante, note no vídeo a seguir que, após o pouso, a aeronave nem mesmo prossegue com o taxiamento para livrar a pista. Isso porque o aeroporto é tão pequeno que não permite o deslocamento de um Jumbo por meios próprios com segurança.

F-HSEA

Por sua vez, o F-HSEA, produzido em 1992, deslocou-se de Paris para o Reino Unido nesta sexta-feira, 12 de junho. Embora também tenha feito rasante na chegada, mais cedo o 747 despediu-se de Orly com uma passagem baixa logo depois da decolagem.

Veja no vídeo a seguir (clique no play e aguarde carregar) a partida e, logo abaixo, outro vídeo com o rasante e o pouso em Cotswold.

Vídeo da partida de Orly:

Vídeo da chegada em Cotswold:

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias