Voo do gigante russo Antonov AN-124 para Brasília é antecipado em três dias

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Talvez você se recorde quando, lá no final de julho, falamos sobre a próxima visita do gigante cargueiro AN-124 a Brasília agora no mês de agosto. Apesar dela estar confirmada, houve um pequeno ajustes nos horários do voo, que foi antecipado em três dias, segundo uma atualização no registro de voos da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). A companhia que opera o avião é a russa Volga-Dnepr.

Quando é o próximo voo

Ver um grandalhão como esse em solo brasileiro sempre é algo interessante e, dessa vez, os brasilienses terão essa oportunidade. Essa é a programação mais atual na ANAC:

– Dia 21/08: Voo VDA3632 – Parte de Mumbai, na Índia, para o Cairo e, no dia seguinte, segue para Dacar, no Senegal.

– Dia 24/08: Voo VDA3632 – Decola de Senegal às 21h30 (horário de Brasília) rumo ao Brasil. O pouso na capital federal está previsto para as 5h da manhã do dia 24.

– Dia 25/08: Voo VDA 3633 – Decola de Brasília às 9h rumo à Ilha do Sal e depois à Rússia.

O motivo exato do voo não foi informado até o momento, mas certamente trata de alguma carga de grande volume, a especialidade desse tipo de aeronave.

Antonov 124

O Antonov-124-100 é o segundo maior avião de carga civil do mundo em capacidade e um líder reconhecido no mercado de carga aérea para o transporte de remessas superdimensionadas e super-pesadas. São aviões da era soviética, construídos pela Antonov, empresa que está baseada na atual Ucrânia.

A combinação de características como tamanho do compartimento de carga, alcance de voo e capacidade de elevação sem o uso de equipamento de carregamento especial, permite que o An-124 carregue carga super pesada e superdimensionada de até 120 toneladas na maior faixa de alcance. A cabine de carga pressurizada da aeronave, com seu volume total de 1.050 m³, garante oportunidades para o transporte de diferentes tipos de carga, incluindo peças ou remessas fora do padrão e de grandes dimensões, exigindo condições especiais de transporte.

O trem de pouso equipado com 24 rodas permite alterar o ângulo da fuselagem para simplificar as operações de carregamento.

O Antonov-124-100 possui duas entradas de carga, no nariz e na cauda da aeronave, ambas equipadas com rampas de carga em expansão. Para o carregamento de cargas fora do padrão, a cabine é equipada com dois guinchos elétricos com tração de 3 toneladas cada e 4 guinchos elétricos com capacidade de carga comum de até 30 toneladas.

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

British Airways recebe sugestão de mudar de nome após apoiar time...

0
Um post aparentemente inocente do time de mídias sociais da British Airways deu o que falar e gerou uma enorme discussão no Twitter