Voo saindo da Grécia teve 16 infectados com Covid-19

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Boeing 737-800 TUI
Imagem: Alan Wilson from Stilton, Peterborough, Cambs, UK / CC BY-SA

Um voo saindo da Grécia na última terça-feira, 25 de agosto, tem gerado muita polêmica depois que 16 passageiros a bordo do Boeing 737-800 foram testados positivos para contaminação por Covid-19.

Segundo reporte do portal Euronews, a aeronave da companhia aérea TUI levava 193 pessoas a bordo, além da equipe de tripulantes, tendo partido no voo de número BY-6215 da ilha grega de Zante para a cidade de Cardiff, no País de Gales.

O Dr. Giri Shankar, diretor de resposta a incidentes do surto de Covid-19 do Departamento de Saúde Pública do país (Public Health Wales), disse que os demais passageiros do voo seriam contatados em breve, mas enquanto isso, deveriam se isolar em casa, pois podem se tornar infecciosos, mesmo sem desenvolver sintomas. “Qualquer pessoa com sintomas deve agendar um teste sem demora”, alertou ele.

Shankar disse que todos os passageiros a bordo do voo seriam considerados contatos próximos aos contaminados. A companhia aérea, por sua vez, disse que entrou em contato com todos os passageiros para comunicar sobre o fato, conforme orientado pelo Public Health Wales.

Uma passageira do voo, Stephanie Whitfield, disse à BBC que nem todo mundo estava usando máscara corretamente, mas que a tripulação não corrigiu todos os passageiros.

A TUI respondeu que os passageiros são informados antes da viagem e por meio de anúncios de voz no voo que eles devem usar máscaras durante todo o tempo, e que não têm permissão para se mover pela cabine, mas informou que está avaliando o caso.

“As máscaras só podem ser removidas ao consumir alimentos e bebidas. Uma investigação completa está em andamento, pois essa situação não foi relatada durante o voo ou antes do dia de hoje”, disse a TUI.

Muitos usuários de mídia social atacaram a empresa de turismo nas redes sociais, afirmando que planejavam cancelar suas férias após o incidente, enquanto outros usuários disseram que as pessoas não deveriam arriscar viagens internacionais durante a pandemia.

Existem mais de 10.000 casos de Covid-19 registrados na Grécia, e mais da metade destes foram notificados no mês de agosto.

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias